terça-feira, 15 de julho de 2014

a música

a música
pras coisas urgentes existe a música
as palavras por mais que fiquem na guela, na ponta da língua, na ponta da caneta, as palavras precisam esperar
pois o presente precisa virar passado no futuro
então faço um som assim com a boca como quem quer cantar como quem quer chorar como quem quer contar um segredo como quem quer gritar
é hora do ruído
é hora do som
é hora de bater com toda força na tecla do piano o que se quer falar

Nenhum comentário:

Postar um comentário