domingo, 14 de dezembro de 2014

nó após o laço

Não era o seu aniversário, mas estreou uma camisa nova; jeans, de mangas curtas, assim, em plena quarta-feira de manhã, de dia de trabalho.
A dificuldade para calçar o tênis continuava a ser a mesma. Perdido em pensamentos, perdido no ritual de dar um nó após o laço.
É que acordei pensando nela e isso tirou a pouca vontade que tenho de sair desse quarto.
E essa camisa nova é um presente de consolo.
O máximo.
que posso fazer por mim.

Nenhum comentário:

Postar um comentário