quarta-feira, 13 de janeiro de 2016

quem anda pra frente

engoliu o choro
mas abriu aquele livro e a lembrança explodiu sob o peito costurado
nem sabe se é dor
se é querer de volta
é só que
o livro
e ainda no domingo
e já faz tanto tempo que
não caía
nem sabe se é dor
o que se sente ao se machucar
só tropeça quem anda pra frente
se é que se precisa
de um bom sinal

Nenhum comentário:

Postar um comentário